Em fevereiro terá início a edição 2022 do Festival Pop Arte (Festival de Popularização da Arte de Santa Bárbara) e já é possível adquirir os ingressos de forma antecipada das atrações. O Festival acontecerá de fevereiro a março, às terças, quintas-feiras e sábados, sempre às 20 horas, no Teatro Municipal “Manoel Lyra” (Rua João XXIII, 61, Centro). A programação, conforme lista abaixo, conta com 18 atrações de diversas manifestações artísticas, com ingressos a preços populares a R$ 10 (inteira) e a R$ 5 (antecipado/meia entrada).

Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h30, ou ainda de forma on-line pelo site www.ingressodigital.com. Todos os links estão disponíveis no site www.culturasbo.com

Fonte: Imprensa Prefeitura Municipal de Santa Bárbara d´Oeste

O objetivo do Pop Arte 2022 é democratizar o acesso à cultura, oferecendo uma programação artística diversificada, a preços populares, bem como o de fomentar a formação de plateia para o Teatro Municipal “Manoel Lyra” tornando-o ainda mais popular e incentivar que os artistas locais e de cidades adjacentes utilizem esse espaço para apresentarem seus trabalhos.

Seguindo os protocolos governamentais estabelecidos de enfrentamento à Covid-19, da Resolução da Secretaria da Saúde do Governo do Estado de São Paulo, nº 151 de 6 de outubro de 2021 e Recomendação de 12 de janeiro de 2022, será obrigatório o uso de máscaras pelo público durante a permanência no Teatro e cada espectador também deve apresentar seu comprovante original, ou comprovante digital, de vacinação completa contra a Covid-19 (duas doses ou dose única) ou, caso tenha apenas uma dose, deve apresentar obrigatoriamente teste negativo para Covid-19 do tipo PCR, realizado até 48 horas antes do espetáculo, ou do tipo antígeno, realizado até 24 horas antes.

Confira a programação e sinopses:

- 15 de fevereiro (terça-feira), às 20 horas

Clássicos do Vinil com OFISB – Orquestra Filarmônica de Santa Bárbara

Esse concerto, inspirado nas músicas que fizeram grande sucesso entre as décadas de 60, 70 e 80, tem arrancado suspiros de emoção da plateia. A Orquestra Filarmônica de Santa Bárbara composta por instrumentos de corda, madeira, metal, tecla e percussão, sob a regência do maestro Tenício de Freitas, interpretará canções que proporcionará aos espectadores uma viagem no tempo, curtindo belíssimas canções do Queen, The Beatles e demais bandas de sucesso dessa época.

Classificação: livre

- 17 de fevereiro (quinta-feira), às 20 horas

Encantos | Cia de Dança Juliana Daniel

O espetáculo “Encantos” é fruto de oficinas de dança do ventre oferecidas gratuitamente com recursos provenientes da Lei Aldir Blanc. Consiste nas apresentações de coreografias criadas pela professora Juliana Daniel que inclusive fará apresentação solo.

Classificação: livre

- 19 de fevereiro (sábado), às 20 horas

MalabaRindo | MB Circo

Tico e Polenta formam a dupla de palhaços que conduzem o espetáculo do começo ao fim. Além de muita piada, o espetáculo traz acrobacias, mágicas e malabarismos perigosíssimos, igual tomar leite com manga! Esta dupla supimpa promete te fazer rir do começo ao fim! O Espetáculo MalabaRindo é totalmente interativo e é indicado para pessoas de zero a noventa e nove anos, ou mais!

Classificação: livre

- 22 de fevereiro (terça-feira), às 20 horas

Viva o rock nacional | SMAB - Escola de Música e Artes

Alunos da SMAB - Escola de Música e Artes apresentarão o espetáculo musical “Viva o rock nacional”, no qual executarão obras de artistas e bandas desse gênero, mostrando toda diversidade, evolução e energia do rock. O objetivo é mostrar o rock nacional, desde os anos 60 com Erasmo Carlos, e principalmente nos anos 80, onde influenciou uma geração de jovens com músicas que discutiam, entre outras coisas, o contexto brasileiro marcado pela transição da ditadura para a democracia, em meio a uma revolução sociocultural que estava acontecendo.

Classificação: livre

- 24 de fevereiro (quinta-feira), às 20 horas

Histórias de montar: qual seu vaso? | Casa Dois João

Miguel é um garoto esperto que esperava pelas tão sonhadas férias. Em seu primeiro dia de diversão foi responsável por algo desastroso em sua casa. O que será que aconteceu com Miguel? Depois desse dia as descobertas foram presentes na vida do Menino e juntamente com sua Mãe se encantaram por uma aventura transformadora! Quer saber o que aconteceu com Miguel? Escolha seu vaso e venha montar essa curiosa história!

Classificação: livre

- 3 de março (quinta-feira), às 20 horas

Cabaré Cirqu&Tal | MB Circo

O Cabaré Cirqu&Tal surgiu da necessidade de “testar valendo”, que seria uma maneira de arriscar e experimentar novas possibilidades como números, figurinos, músicas e tudo o que fosse necessário em alguma apresentação. E quando uma palhaça e três palhaços se encontram e resolvem fazer o seu próprio cabaré, o mundo do circo vira de cabeça para baixo. Apresentando diversas habilidades circenses, esses atrapalhados artistas provocam o riso e o encantamento do público com música, clássicos do circo e também trapalhadas originais.

Classificação: livre

- 5 de março (sábado), às 20 horas

World Drag Show | Polo Artes Cênicas

O show propõe o resgate da discografia que tornou mundialmente conhecida a luta do Movimento LGBT por direitos e proteção. O recorte artístico, referente à época e ao período, é também fundamental à elaboração das apresentações das artistas que resgatam parte da história que marcou essa luta por meio da música e das performances inspiradas em grandes personalidades. Através de dublagens musicais, as artistas propõem o resgate histórico-cultural sobre a série de desafios impostos aos LGBTQIA+ em relação às ações sociais, culturais e políticas.

Classificação: 12 anos

- 8 de março (terça-feira), às 20 horas

Atenção, respeitável público! | Damião e Cia

As palhaças Brigite Margô e Begônia apresentam esquetes cômicas baseadas na tradição brasileira circense de picadeiro. As relações criadas entre as duas palhaças que, em meio a muitas confusões, divertem e encantam espectadores de todas as idades.

Classificação: livre

- 10 de março (quinta-feira), às 20 horas

O preço dos holofotes | Trupe GrandPlié de Teatro

Com texto escrito pelos próprios alunos da turma de teatro juvenil do GrandPlié Studio de Dança e Teatro, “O preço dos holofotes” é uma peça sobre tudo aquilo que os telespectadores não veem e que os próprios artistas não querem ver/aceitar/assumir: os sombrios caminhos do sucesso. Sempre sonhamos com o estrelato que a vivência artística pode nos proporcionar, mas já paramos para pensar sobre qual seria o nível de insatisfação de um artista decadente? A sensação de estar quase lá, mas sempre faltar algo... Ou mesmo até que ponto a inveja do outro, a frustração pelo sucesso que não se tem, fazem os personagens praticarem atos desesperados?

Classificação: livre

- 12 de março (sábado), às 20 horas

O livro perdido – a relíquia da humanidade | Cia de Dança e Teatro JK

Numa sociedade distópica, em um universo pós apocalíptico, onde a liberdade de expressão é uma recordação distante, um pequeno grupo de amigos insiste em manter reuniões clandestinas com o objetivo de continuar a exercer o direito de pensar livremente. E nesse movimento de resistência eles encontram um objeto pertencente a um passado já esquecido, uma relíquia, que vai se tornar elemento fundamental no processo de transformação da visão da sociedade, guiando seus questionamentos e mudando definitivamente seus pensamentos.

Classificação: 12 anos

- 15 de março (terça-feira), às 20 horas

RisoShow | MB Circo

Garrafas de plástico, restos de cano e outros materiais que seriam lixo, são reinventados e transformados em instrumentos musicais. Em um verdadeiro show musical, você vai se contagiar com os ritmos brasileiros comandados pelo grande Maestro multi instrumentista e com as trapalhadas de Tico e Polenta que também são grandes tocadores de instrumentos.

Classificação: livre

- 17 de março (quinta-feira), às 20 horas

Boa Noite Lady Di | Cia Aurora de Teatro

Em ‘Boa Noite Lady Di’, Shakespeare é aquele que tudo vê e tudo sente. Um fantasma que presencia um grande encontro entre Julieta de Romeu e Ofélia de Hamlet que se dá em uma noite de 1997, no final de agosto. As duas personagens clássicas se encontram na pose de amigas antigas para um delicioso chá regado a lembranças, risadas e a histórias reveladoras. De repente, o bate papo toma um rumo surpreendente que nem o fantasma de Shakespeare poderia imaginar. Criaturas surpreendem seu criador e transformam os clássicos trágicos em uma comédia farsesca trazendo fortes influências do universo trash.

Classificação: 14 anos

- 19 de março (sábado), às 20 horas

O último livro | Grupo de Teatro Mirabolantes

Num mundo destruído por guerras a humanidade cai em uma crise; a cultura e conhecimento vão desaparecendo aos poucos. Após uma professora resgatar duas crianças, ela passa a contar histórias. Mudanças começam a aparecer por onde passam os heróis, até que a professora desaparece e eles devem continuar o seu caminho, contando histórias e carregando o último livro. Mas eles precisarão reviver suas próprias histórias para decidir para onde ir.

Classificação: livre

- 22 de março (terça-feira), às 20 horas

Um incrível show de mímica | Rodrigo Nasser

O espetáculo nasce a partir da experiência de criação artística em isolamento social do ator e mímico Rodrigo Nasser durante a pandemia de Covid-19. Os números apresentados no espetáculo foram todos criados originalmente para vídeo e apresentados em ambiente virtual durante os anos de 2020 e 2021. Diversas esquetes são levadas ao palco em um incrível show de mímica, extrovertido e muito imaginativo.

Classificação: livre

- 24 de março (quinta-feira), às 20 horas

Uma história para Elise | PoloAC

A perseguição de um oficial de justiça às artistas de uma tradicional boate de uma cidade qualquer traz à tona as dificuldades vivenciadas por gays e mulheres trans que encontram nos palcos uma forma de sobreviver. Este é o enredo de “Uma História para Elise”, que mostra a investigação sobre o suposto sumiço de uma artista da Estrelinha da Praça, uma tradicional boate da Rua XII. A atuação da justiça, no entanto, resulta em agressões e ignora o depoimento de Albertina, Bernardina e Campesina, personagens coadjuvantes da casa noturna. O intuito é esclarecer o mistério sobre o desaparecimento de Elise, que sumiu sem deixar vestígios. Mas, infelizmente, o oficial de justiça usa o ‘rigor da Lei’ para conseguir informações. Antero da Redenção se torna agressivo e parece não se incomodar com a violência.

Classificação: 12 anos

- 26 de março (sábado), às 20 horas

Causos de alumiar | Cia Xekmat Promoções e Eventos Ltda

Os atores recontam, usando os recursos do teatro de sombras, histórias que os idosos da cidade contam e muitos juram ter vivido ou serem testemunhas dos acontecidos na vida de Santa Bárbara d’Oeste, algum tempo atrás, quando os prédios, o asfalto e o corre corre dos dias atuais ainda não existia. Dentre elas, destacam-se: o "Causo do Lobisomem", o Causo do “Mistério da Matriz”, “A Praga do padre”, “O susto das Caveiras”, e outras para deixar o público num misto de encanto e assombro.

Classificação: livre

- 29 de março (terça-feira), às 20 horas

Vaga Avulsa | MB Circo

Três palhaços aparecem para uma vaga de emprego em um circo; porém, chegam muito cedo para a prova de admissão. Enquanto esperam, vivem a ansiedade de conviver no mesmo espaço com aqueles que podem tomar sua vaga de emprego. Entre armadilhas, deboches e pilantragens cada um deles fará de tudo para desestabilizar o psicológico dos outros concorrentes e assim, garantir sua chance de ter um lugar ao sol.

Classificação: livre

- 31 de março (quinta-feira), às 20 horas


O Rei do Show | Ballet Art Sandra Godoy

De origem humilde e desde a infância sonhando com um mundo mágico, P.T. Barnum desafia as barreiras sociais se casando com a filha do patrão do pai e dá o pontapé inicial na realização de seu maior desejo abrindo uma espécie de museu de curiosidades. O empreendimento fracassa, mas ele, que tem uma tendência natural de enganar seu público, logo vislumbra uma ousada saída: produzir um grande show estrelado por freaks, fraudes, bizarrices e rejeitados de todos os tipos.

Classificação: livre